Trânsito

Cuidados para evitar que as crianças se machuquem ao andarem de bicicleta

  • Compartilhar Facebook
  • Compartilhar Twitter
  • Compartilhar Google +
31/07/2018

Andar de bicicleta é muito bom, com as crianças, então, é ainda melhor. Pedalar é uma ótima forma de passar um tempo gostoso em família, incentivar meninas e meninos a fazerem exercícios físicos ou conhecer melhor seu bairro e cidade.

Incentivar que a criança ou adolescente faça atividades físicas é parte importante do seu crescimento. O uso da bicicleta traz benefícios físicos, psicológicos e sociais para meninas e meninos. Isso porque, quanto mais ativos eles forem, maior será seu desenvolvimento cognitivo e motor e mais preparados eles estarão para evitar acidentes ou para torná-los menos letais.

Entretanto, essa atividade com tantos benefícios e tão prazerosa pode representar alguns riscos às crianças. Em 2016, de acordo com dados do Ministério da Saúde, 2.455 garotas e garotos de zero a 14 anos foram hospitalizados em razão de algum tipo de acidente envolvendo bicicleta. No mesmo ano, 64 crianças e adolescentes de um a 14 anos morreram enquanto estavam em uma bike.

Evitar que meninas e meninos se machuquem seriamente ao andar de bicicleta não é nenhum bicho de sete cabeças. Mas, para isso, os adultos responsáveis devem estar atentos, orientar e realizar algumas ações para reduzir os riscos para às crianças nessa atividade.

Confira algumas dicas da Criança Segura para garantir a segurança dos pequenos ciclistas:

Seja um motorista amigo dos ciclistas

Antes de qualquer coisa, é preciso lembrar que os adultos são responsáveis pela segurança das crianças em qualquer situação. No trânsito isso não é diferente. É fundamental que os motoristas estejam mais atentos e cuidadosos para evitar acidentes envolvendo ciclistas.

No Brasil, 62% das mortes de meninas e meninos ciclistas ocorreram em razão do choque com um veículo automotor. Muitas dessas mortes poderiam ser evitadas se os motoristas tivessem mais cuidado e respeito com os condutores desse modal. Manter a distância de 1,5 m ao ultrapassar bicicletas, por exemplo, é uma medida obrigatória por lei e que garante mais segurança aos ciclistas.

Equipamentos de segurança são indispensáveis

Para andar de bicicleta, é muito importante que meninas e meninos utilizem equipamentos de segurança como capacete, joelheiras e cotoveleiras. Com isso, as crianças e adolescentes ficam muito mais seguros em caso de quedas.

O capacete é indispensável em todas as vezes que a criança estiver andando de bicicleta, seja em um passeio tranquilo, se locomovendo pela cidade ou praticando algum esporte. Já as joelheiras e cotoveleiras são mais importantes em situações em que meninas e meninos conduzem a bicicleta com mais velocidade – praticando bicicross ou BMX, por exemplo – ou em terrenos mais acidentados, como trilhas, locais com pedras, etc.

Para incentivar que a criança utilize os equipamentos de segurança adequados, permita que ela escolha o modelo e a cor que mais lhe agrade. Você também pode incentivá-la a customizar o produto, colocando fitas, adesivos, pintando, etc. Deixe que a criança solte a imaginação e se sinta o máximo usando seu equipamento de segurança personalizado.

Além desses equipamentos, o uso de roupas claras ou com algum material refletor podem ajudar a garantir que a criança ou adolescente seja mais visto pelo motorista e evitar acidentes.

Atenção!

Para garantir a proteção adequada à criança, o capacete deve estar corretamente ajustado à sua cabeça. Ele deve ficar centrado na parte superior da cabeça e a tira de segurança deve ser ajustada de forma que o capacete fique firme, mas não apertado. O capacete não deve se mexer para frente, para trás ou para os lados.

Caso a criança ou adolescente queira praticar BMX ou bicicross, é importante pesquisar capacetes específicos para esse tipo de atividade.

O uso correto desse equipamento reduz em até 85% os riscos de lesões na cabeça em caso de acidente.

Leia também: Prevenção de lesões no esporte

Equipe a bicicleta para garantir mais segurança

Para oferecer ainda mais segurança à garotada enquanto pedalam, equipe as bicicletas com buzina, espelho retrovisor e refletores frontais e traseiros. Além de serem obrigatórios por lei, com esses equipamentos, ao conduzir a bike, a criança ou adolescente poderá alertar pedestres ou motoristas de sua presença, irá ter mais visão do que está acontecendo no trânsito e será vista mais facilmente pelos motoristas.

Pedale sempre em locais seguros

Explique para as crianças que elas devem tomar alguns cuidados ao escolher os locais onde irão pedalar.

Lugares onde não há trânsito de veículos automotores, como praças e parques, são mais seguros e indicados principalmente para quem está aprendendo a andar de bicicleta.

Ao andarem de bicicleta na rua, meninas e meninos devem utilizar as ciclovias e ciclofixas sempre que existirem e dar preferência às vias com menos fluxo de veículos e cuja velocidade máxima permitida seja entre 30 km/h e 40 km/h. Peça que elas evitem ruas com de trânsito de ônibus e caminhões, pois o choque com esses veículos é quase sempre fatal.

Alerte os pequenos que garagens ou locais onde haja entrada e saída de veículos não são locais seguros para brincar com a bike.

A supervisão e acompanhamento de um adulto é fundamental até que a criança demonstre ter mais independência e experiência suficiente para pedalar com segurança sozinha.

Leia também: Dicas de prevenção de acidentes em áreas externas

Explique as regras de segurança no trânsito para as crianças

Para começarem a pedalar sozinhas, ensine às crianças as regras e comportamentos seguros no trânsito, como manter as duas mãos no guidão, sempre andar de acordo com a mão da rua, se manter à direita dos veículos e respeitar a sinalização.

Peça que elas mantenham total atenção no trânsito, fiquem ligadas ao que acontece a sua volta e estejam sempre atentas ao comportamento dos motoristas e pedestres pois, assim, pode-se prever situações de risco e evitar colisões.

E atenção! Para evitar qualquer distração, nada de usar fones de ouvido ou o celular enquanto pedala.

Faça revisões regulares para verificar as condições da bicicleta

Para garantir que nada dê errado aconteça com a bicicleta enquanto a criança a usa, é importante realizar revisões periódicas. Verifique se os pneus estão cheios e em bom estado, se os freios funcionam corretamente e se a corrente está limpa e lubrificada.

Seguindo todas essas dicas, com certeza a criançada vai poder aproveitar muito mais os passeios de bike, sem susto.

Acompanhe a Criança Segura também no Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.

Membro de
Patrocinadores Institucionais
Seja nosso parceiro

Seja também nosso parceiro


Desejo receber novidades da Criança Segura e/ou parceiros por e-mail.

Receba nossas notícias!

Cadastre-se para receber a nossa newsletter, ou se preferir baixe o arquivo clicando no botão abaixo.